Estória para se contar: À Mente 7

quarta-feira, janeiro 25, 2017

Enfim, chegamos a última estória da Série "À Mente", espero do fundo do meu coração que vocês tenham gostado de todas as 7 estórias que se passaram, E aguardem que logo, logo teremos uma nova estória por aqui! Obrigada por todos os comentários, por todos os elogios!
Então, fiquem com a última!


Não quero acreditar que são exatamente 01h01min e estou eu aqui acordada mais uma vez nessa eterna discussão com você, mente.
Não queira insinuar que a culpa não é sua. Pois bem, quem sempre foi a responsável por me manter longe do perigo? Quem sempre foi tão correta ao avaliar as pessoas que se aproximavam?
E agora, o que me diz? Que não és a culpada por ter permitido que eu mergulhasse de cabeça em um mundo que eu desconhecia! Mente, você foi, e ainda é culpada por toda a dor que venho sentindo durante todo esse tempo.
Esses míseros trechos de estórias que se repetem em qualquer pedaço de papel que esteja próximo a uma caneta, foi o modo como encontrei para me afastar da loucura. Acredite, nem mesmo o jornal que o jornaleiro joga todas as manhãs em minha porta se salvou.
Palavras circuladas, dentre outras escritas nos espaços que se encontravam em branco.
Nem ao menos os livros que eu tanto amo, se viram livre deste ato contra a loucura. Até eles tiveram suas filhas rabiscadas em trechos selecionados, trechos esses de dramas que retratam exatamente o que estou vivendo.
Palavras soltas, sem nexos, o que importa é que estas sejam arrancadas e depositadas em lugares onde jamais retornarei a vê-las. Estou ao ponto de ficar louca. Não suporto mais está dor, não consigo lutar em busca do sorriso verdadeiro.
Por mais que eu tente, não encontro forças para lutar, Mente, eu só lhe peço um pouco de paz. Eu só lhe peço que esqueças estas lembranças e afaste a tristeza para longe. Para um lugar onde nunca mais a encontrarei.
Apesar de toda dor e toda fraqueza, sei que encontrarei forças no próprio amor, que hoje me faz sofrer, para lutar e vencer essa batalha que venho travando com você por todo esse tempo.
Chegará o dia em que a máscara que estampa o sorriso em meu rosto hoje deixará lugar para um sorriso verdadeiro.
Para aquele sorriso bobo, descontraído, sem motivos. Com o misto de alegria, satisfação e amor.

Fim 

Quem quiser acompanhar o Calianices, é só seguir: FacebookGoogle +YoutubeInstagramTwitter.

Veja também:

9 comentários

  1. Quantas vezes não conseguimos dormir a noite por conta dos pensamentos, lembranças que nossa mente nos trás. ;)

    https://ondeeufor.blogspot.com.br
    Beijinhos ♥

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade... Muitas vezes passamos acordada em um embate com a nossa própria mente que muitas vezes pode ser "perigosa" nos trazendo lembranças que nos magoem e machucam.

      Pollyanna, obrigada por ter lido ;)

      Excluir
  2. Profundo, a escrita está muito boa! Realmente... quantas vezes a gente cai nessa situação: por fora sorrir, por dentro não estar legal!

    Bjinhos,
    ❥ AmigaDelicada.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, faz bastante tempo que escrevi essas estórias, hoje a minha escrita já está mais desenvolvida (apesar de no momento ter parado de escrever por conta da faculdade que terminei agora).
      Fico feliz que você tenha gostado. E é verdade quantas vezes sorrimos sem realmente estarmos felizes.

      Excluir
  3. Que texto lindoo, a mente é algo sério mesmo , muitas vezes eu nao consigo dormir só pensando em coisas, fazendo planos rs

    derepentemodaa.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acho que todos nós em alguns momentos ficamos assim, fazendo planos e muitas vezes até sabemos que provavelmente esses planos podem não acontecer ;)
      Muito obrigada, fico feliz em saber que você gostou dá história!

      Excluir
  4. This is awesome! You write so beautifully!
    Would you like to follow each other? Follow me on Blog and Google+ and I'll follow you back!
    www.recklessdiary.ru

    ResponderExcluir
  5. Ain minha nossa, acho que perdi o restante da história mas acabei lendo o final primeiro hahaha, o que me deixou curiosa para saber o principio. Então vou aqui fuxicar o seu blog pra procurar o restante.

    www.leitecombiscoitos.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah, que bom que você gostou! Espero que goste das outras também! Logo, logo, terão outras histórias por aqui.
      Muito obrigada por ter lido!

      Excluir

Seguidores